TCHEDJARYI KUERY - NOSSAS AVÓS - Os espíritos antigos da Natureza.

Estes espíritos têm todo o conhecimento da Natureza. Animais, pedras, plantas,...todos são animados pelos espíritos sagrados.


As primeiras avozinhas com quem tive uma "conversa" para realizar este trabalho com as Bonecas TIHU, foram dez espíritos antigos dos animais.


E não pense que foram somente animais imensos, poderosos, grandiosos!

Descobri que tem avozinha rebelde, tem avozinha doce, outras serelepes, algumas bravas, umas bem pequenas e delicadas outras grandes e ferozes; mas todas trazem Sabedoria e Amor!


A primeira a chegar foi a Tchedjaryi Gralha Azul. Depois veio a avozinha Vagalume, a Onça, seguida pela dona Coruja e, então, chegou a Borboleta.

Mas ainda estão ali, esperando com paciência, a Aranha, a Abelha, a Libélula e a Joaninha!


Cada uma traz consigo um ensinamento, um potencial, um segredo, que só pode ser compreendido e aprendido quando nos conectamos com elas, honramos sua sabedoria e agradecemos pela riqueza simples que vibra dentro de toda a complexidade da Vida Natural!


Celita* (Djatchuká) contou que são as Tchedjaryi (os espíritos antigos, as avozinhas) que canalizam a energia de NHANDETCHY (Mãe Terra) e dos animais de Nheery (Mata Atlântica) para os guerreiros e guerreiras que dançam a sagrada dança dos Guarani: TCHONDARO.


Gratidão espírito da Mata Atlântica, querida Nheery!


Conheça a história da COLEÇÃO NHEERY: https://www.deboradalsasso.com.br/post-1/cole%C3%A7%C3%A3o-nheery-o-ser-sagrado-da-mata-atl%C3%A2ntica


* Desde 2018 eu já tinha um chamado interno para conhecer e incentivar o feitio de bonecas Guarani, da aldeia Yynn Moroti Wherá – Biguaçu/SC. Sempre recebi apoio para criar bonecas com o artesanato desenvolvido por eles. Celita Antunes (Djatchuka) - liderança feminina, conhecedora das ervas e da sabedoria Guarani, moradora da aldeia - entendeu a minha vontade.



55 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo