Uma boa decoração, independente de sua

simplicidade ou rebuscamento, quando

trabalhada com consciência, unindo razão e

emoção, promove a saúde e o bem-estar!

Pode-se dizer que algumas casas desenvolvem uma espécie de alma. Isso acontece quando elas são alimentadas de tal maneira que possam permitir o pulsar da vida, através das suas formas!

E a vida pulsa, espontaneamente, quando as forças da natureza estão presentes, quando os moradores reconhecem a importância de seus lares e o nutrem com amor. Essa casa pode curar pessoas, desde que haja identificação, respeito e harmonia entre os moradores e o ambiente. Então, uma conversa simbólica e gostosa acontece.

A casa deve acolher e dar aos seus ocupantes aquilo que eles precisam. Ela tem que possuir espaço para o descanso e para o convívio social. Umas podem ser bem femininas, outras mais masculinas. Mas sempre possibilitando o silêncio, os estudos e o desenvolvimento espiritual. Contando, ainda, com áreas para reuniões familiares, alimentação e desenvolvimento do prazer.

Não importa o tamanho e a questão financeira. A casa pode ser muito pequena e simples, mas permitir o desenvolvimento da vida conforme o jeito de ser de quem nela mora.

O contrário também é verdadeiro: os ocupantes devem acolher a casa e dar a esta o que ela precisa. A beleza e o carinho que o morador disponibiliza no cuidado com o seu lar reflete como ele trata a sua vida. E ela responde atraindo, pela sua frequência positiva, situações mais adequadas ao crescimento de quem com ela convive.

Cuidando da “alma” da casa:

Segundo o Sistema Ambá Ÿu (harmonização integrada de pessoas e ambientes), a beleza, o cuidado, a atenção aos detalhes e à identidade dos imóveis e de seus moradores são ferramentas de “cura”. Uma boa decoração, independente de sua simplicidade ou rebuscamento, quando trabalhada com consciência, unindo razão e emoção, promove a saúde, a harmonia e o bem-estar!

Queimar algumas ervas e defumar a casa com elas é uma forma simples e carinhosa de promover mais harmonia. Você pode aproveitar o momento para fazer uma oração ou uma mentalização positiva. As plantas carregam grande potencial curativo! Outra opção é o uso de incensos de qualidade (puros), que visem o mesmo fim.

Sugestão: Arruda e boldo ajudam na limpeza vibracional e devem ser as primeiras. Em seguida, trabalhe com a lavanda e o alecrim, que promovem alegria e vitalidade de forma suave.

E que tal florir a casa? As cores das flores, suas belas formas e a vitalidade amorosa que exalam são ingredientes especiais, de pura harmonia!

© Todos os direitos da foto Home Sweet Home, que ilustra este post, são reservados a Alessia-Izzo.